Rio Piranhas pede socorro

■ Tue, November 20, 2012


Neste ano de 2012 o nosso sertão vem sofrendo uma das maiores secas que está ocorrendo na história, onde muitas cidades sequer tem água para beber, lavouras inteiras foram perdidas, muitos animais morrendo, outros sendo vendidos a preço de banana. Em nossa cidade apesar de está no sertão os efeitos dessa seca não chega a ser tão evidente, pois temos um rio perene que corta toda a cidade, o nosso velho Rio Piranhas, que nasce da junção dos rios do Peixe e Piancó na Paraíba e deságua em Macal no Rio Grande do Norte, em toda sua extensão passa por varias cidades como Paulista, São Bento, Jardim de Piranhas e entre outras.

Segundo os órgãos de defesa do meio ambiente em alguns lugares o Rio Piranhas está poluído, isso devido a falta de saneamento em alguma cidades, inclusive em São Bento, onde alguns lugares ainda não há esgotos sanitários.

Como todos sabem esse Rio é ponto de lazer em nossa cidade há muitos anos, onde todos os domingos debaixo da ponte sempre há um ponto de encontro onde pessoas bebem , comem, e se divertem. Porém essas mesmas pessoas não possuem nenhuma consciência ambiental, pois deixam seus lixos a beira do rio, é possível encontrar de tudo um pouco, restos de comida, latas de cerveja, embalagens plásticas que demoram anos para se decompor, até uma cadeira foi encontrada, ainda há quem leva seus caminhões para lavar , poluindo assim com óleo, e outros dejetos químicos.

Nos últimos 16 anos, a Prefeitura municipal de nossa cidade nada fez, não há sequer um projeto que busque preservar esse bem tão precioso para todos nós, nenhuma campanha de conscientização, simplesmente viraram as costas para o Rio Piranhas e que a cada ano vai perdendo sua força.
Esperamos que nessa próxima gestão os eleitos tirem um pouco do seu tempo e quando ao passar por cima da ponte, dê um pouco de atenção ao nosso Rio Piranhas.

A redação