As cidades da microrregião 89, no Sertão da Paraíba, gastaram, no ano de 2018, mais de R$ 156 milhões e 100 mil reais, com a Folha de Pessoal.

As informações constam do Sagres On Line do Tribunal de Contas do Estado (TCE), as quais mostram que os maiores municípios da região: São Bento e Catolé do Rocha tiveram os gastos mais vultosos: R$ 39.701. 522,29 e 26.232.832,42, respectivamente, totalizando, 65.934.354, 71(sessenta e cinco milhões, novecentos e trinta e quatro mil, trezentos e cinquenta e quatro reais e setenta e um centavos).

O terceiro município que mais fez dispêndio com o funcionalismo, na região, foi Brejo do Cruz, com R$ 14.977.995, 85 (14 milhões, novecentos e setenta e sete mil, novecentos e noventa e cinco reais e oitenta e cinco centavos.

Os menores gastos com pessoal na microrregião 89, no período, aconteceram na cidade de Mato Grosso, onde a prefeitura pagou R$ 5.438.302,14 aos colaboradores da administração municipal.

Fonte: Leomarque Pereira

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.