Foi apenas o primeiro teste, qualquer conclusão seria precipitada, mas o Flamengo começou bem a temporada. Na estreia na Flórida Cup, em Orlando, o Rubro-Negro bateu o Ajax nos pênaltis (4 a 3), após empate por 2 a 2 no tempo real. Protagonista da noite, Uribe marcou duas vezes. Huntelaar e Labyad anotaram para os holandeses, que jogaram com time misto.

Gol, Uribe, Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

CHUVA DE GOLS

Abel Braga deve ter gostado do que viu no início do jogo. O primeiro tempo foi movimentado e trouxe boas notícias para o treinador. A primeira dela talvez tenha sido o desempenho de seu ataque. Everton Ribeiro, Vitinho e Uribe foram muito bem. Especialmente o colombiano, que marcou dois gols e provou que, mesmo com a contratação de Gabigol, vai brigar por uma vaga no time. O sistema defensivo, no entanto, ainda demonstrou falhas. O primeiro gol, anotado por Huntelaar, foi nas costas de Pará.

DIEGO ALVES GARANTE O RESULTADO

O Flamengo trocou quase todo o time para a etapa final. O único jogador que permaneceu em campo do time brasileiro durante 90 minutos foi Diego Alves. Sem jogar desde setembro por conta de um desentendimento com Dorival Junior, o camisa 1 retornou ao time como titular de Abel Braga e fez uma partidaça. Foram aos quatro grandes defesas. Ele foi o principal responsável pelo Rubro-Negro ter levado o jogo para os pênaltis. No segundo tempo, o Ajax foi muito melhor, e o Flamengo pouco atacou com os reservas. Rodrigo Caio fez partida segura em sua estreia.

FLA LEVA A MELHOR NOS PÊNALTIS

Nos pênaltis, o Flamengo mostrou qualidade nas cobranças. Acertou as quatro e nem precisou de Henrique Dourado, que cobraria a quinta, para bater o Ajax. Os holandeses desperdiçaram dois. Veltman carimbou a trave, e Magallán isolou por cima do gol na cobrança derradeira.

Fonte: GLOBO ESPORTE 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.