Haddad recebeu 77,1% dos votos válidos, contra 7,01% do candidato Jair Bolsonaro (PSL) (Foto: Reprodução)

Em um segmento do eleitorado no Estado da Paraíba, o candidato Fernando Haddad (PT) foi o campeão esmagador de votos: entre os presidiários. É o que aponta os dados do Tribunal Superior Eleitoral, o petista recebeu 77,1% dos votos válidos (44 votos) contra 7,01% (04 votos) do candidato Jair Bolsonaro (PSL), Ciro Gomes(PDT) teve 5,3% (3 votos), Marina Silva (REDE) e Geraldo Alkmim (PSDB) ficaram 3,52% e João Amoedo (Novo) e Henrique Meireles (MDB) conseguiram apenas 1 voto de cada presidiário paraibano.

Para se ter uma ideia na eleição fora dos presídios, em todo o Estado da Paraíba, Hadadd conseguiu 45,46% dos votos (984.398 votos), enquanto Bolsonaro obteve 31,30% (677.718 votos).

Apenas três penitenciárias da Paraíba tiveram seções eleitorais com 73 detentos aptos ao voto. Os presos votaram porque estão respondendo aos processos e não possuem sentença penal condenatória. As seções nos presídios funcionaram da mesma forma que uma seção convencional.

Na capital, um total de 51 presos no Presídio de Recuperação Feminina Júlia Maranhão e no Presídio do Roger, já em Patos, na Penitenciária Padrão, ficaram aptos 22 detentos provisórios.

Presídio Feminino Júlia Maranhão – João Pessoa

Penitenciária Desembargador Flóscolo da Nóbrega (Róger)

Penitenciária Procurador Romero Nóbrega (Patos)

TOTALIZAÇÃO:

FERNANDO HADDAD – 44 votos 77.10%

JAIR BOLSONARO – 4 votos 7.01%

CIRO GOMES – 3 votos 5.30%

MARINA SILVA – 2 voto 3.52%

GERALDO ALCKMIM – 2 votos 3.52%

JOÃO AMOEDO – 1 voto 1.77%

HENRIQUE MEIRELES – 1 voto 1.77%

Total de votos válidos: 57 votos

 

 

Fonte: CLICKPB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here