GOLPE

Bandidos se passam por procurador e pedem dinheiro a credores de precatórios na PB

De acordo com Fábio Andrade, que já registrou a ocorrência junto as autoridades policiais.

08/01/2020 13h41Atualizado há 2 semanas
Por: São Bento em Foco
Fonte: MaisPB

O procurador-geral do Estado da Paraíba, Fábio Andrade Medeiros, denunciou, nesta quarta-feira (08), a tentativa de um golpe com a utilização falsa de seu nome junto a credores de precatórios estaduais e que se inscreveram para celebração de acordos para que efetuem o depósito de uma certa quantia em dinheiro para terem direito a receberem seus créditos de imediato.

De acordo com Fábio Andrade, que já registrou a ocorrência junto as autoridades policiais, como também postou nas redes sociais, criminosos estão se passando por ele e pedindo que conhecidos façam depósito em dinheiro para agilizar a liberação de recursos oriundos de precatórios.

Andrade já encaminhou os números e demais dados para a delegacia de defraudações, onde o caso já está sendo apurado. Além disso, várias pessoas, que receberam as ligações dos golpistas estão comparecendo a sede da PGE-PB em busca de esclarecimentos de como devem proceder o tal depósito. E estão sendo prontamente orientadas a não realizar nenhum depósito e que tais ligações se tratam da tentativa de um golpe.

“Algumas pessoas estão recebendo ligações de duas pessoas se identificando como sendo Fábio Andrade, procurador do Estado, pedindo que façam um depósito em dinheiro para agilizar a liberação de recursos oriundos de precatórios. Não passa de mais uma tentativa de golpe tão comum nos dias atuais. Já encaminhei os números e os demais dados para a delegacia de defraudações, as providências estão sendo tomadas pelo delegado Gustavo Carleto. Os números que os criminosos estão usando são 98139-6976 e 3142-1100. Não caia nesse golpe. Se receber uma ligação com esse pedido denuncie na delegacia de defraudações”, alertou Fábio Andrade.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias