Domingo, 29 de Novembro de 2020 08:18
(83) 9 9602 8302
Cidades NA PB

Barragem prestes a sangrar no Sertão da PB tem rachaduras

Açude do Jatobá é um dos mananciais que é responsável pelo abastecimento de água de Patos e região

23/04/2020 17h25
Por: São Bento em Foco Fonte: Portal Correio
Barragem prestes a sangrar no Sertão da PB tem rachaduras

O Açude do Jatobá, em Patos, no Sertão da Paraíba, está na iminência de sangrar devido ao acúmulo de água nos últimos dias, por conta das fortes chuvas que atingiram a região. Porém, a apenas 10 centímetros de ultrapassar a capacidade máxima, a parede do sangradouro apresenta várias fissuras, preocupando a população da região, que fez o registro da situação.

Apesar da estrutura precária do sangradouro do açude, o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS) afirmou que o processo de escoamento ocasionado por um possível sangramento não compromete a estrutura do local. Porém, uma empresa já foi contratada para, posteriormente, realizar os reparos necessários.

“Este processo de escoamento da água do sangradouro não compromete a estrutura física do mesmo. Entretanto, já existe uma empresa contratada para efetivar as correções das não conformidades existentes na parede do sangradouro”, disse o diretor do DNOCS na Paraíba, Alberto Gomes.

O Açude do Jatobá é um dos mananciais que é responsável pelo abastecimento de água de Patos e região e tem capacidade de 17.516.000 metros cúbicos (m³).

Prefeitura anuncia ações

Diante do volume de chuvas na cidade, a Defesa Civil de Patos organizou um mutirão de ações para sanar problemas que possam surgir, como alagamentos e obstrução de canais de águas pluviais. Os trabalhos começaram na manhã desta quinta-feira (23).

Um levantamento das casas que foram atingidas por alagamentos em decorrência das chuvas também está sendo realizado pelos órgãos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias