Sexta, 03 de Julho de 2020 16:11
(83) 9 9602 8302
Dólar comercial R$ 5,32 -0.606%
Euro R$ 5,98 -0.727%
Peso Argentino R$ 0,08 -0.921%
Bitcoin R$ 51.205,07 +0.051%
Bovespa 96.719,56 pontos +0.5%
Brasil AGLOMERAÇÃO

Polícia encerra show do sertanejo Bruno, da dupla com Marrone, em Goiás

Segundo a PM, cerca de 40 pessoas estavam no evento. Decreto da cidade proíbe aglomerações.

29/06/2020 10h51
Por: São Bento em Foco Fonte: G1
Polícia encerra show do sertanejo Bruno, da dupla com Marrone, em Goiás

A Polícia Militar encerrou uma festa que teve show com o sertanejo Bruno, da dupla com Marrone, em Caldas Novas, no sul de Goiás. O evento aconteceu no sábado, às margens do Lago Corumbá e reuniu cerca de 40 pessoas. Um decreto municipal proíbe aglomerações na cidade.

Segundo a PM, o dono do evento disse que era uma comemoração de aniversário e reuniu amigos e familiares.

Vídeos e fotos que circulam em redes sociais mostram o cantor Bruno se apresentando em um palco ao lado de músicos que o acompanham nos shows. Por telefone, a assessoria de imprensa do músico disse que ele foi contratado para cantar em uma confraternização em família e que o contratante disse que seriam poucas pessoas. Porém, ao chegar ao local, Bruno viu que havia uma quantidade maior de participantes.

Ainda segundo a assessoria, o contratante disse que todas as pessoas presentes foram testadas para a Covid-19 e o resultado foi negativo. O músico ficou cerca de uma hora no evento e não estava mais no local quando a polícia encerrou a festa.

A Polícia Militar registro um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) contra o organizador da festa. A equipe também dispersou os convidados do local. A Secretaria de Meio Ambiente de Caldas Novas informou ainda que foi ao local e que fez um auto de infração contra o dono do evento por desobediência aos decretos municipais. A multa pode chegar a mais de R$ 30 mil.

Uma audiência na Justiça sobre o caso foi marcado para o dia 3 de julho.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias