Terça, 27 de Outubro de 2020 01:05
(83) 9 9602 8302
Paraíba COVID-19

Covid-19: secretário revela qual é a faixa etária com mais óbitos na PB

Este número, segundo, Daniel Beltrammi, chama atenção por apontar letalidade cinco vezes maior no quadro geral.

08/10/2020 10h58
Por: São Bento em Foco Fonte: PBAgora
Covid-19: secretário revela qual é a faixa etária com mais óbitos na PB

Mesmo com o número de contaminação da covid-19 reduzindo na Paraíba, o secretário executivo da Saúde do Estado, Daniel Beltrammi, alertou a população sobre a faixa etária compreendida entre 0 e 14 anos de pacientes com Covid-19 que tem uma letalidade de 10,54%. Este número, segundo, Daniel Beltrammi, chama atenção por apontar letalidade cinco vezes maior no quadro geral. “Esse número é muito importante”.

De acordo com os números enquanto as pessoas doentes que perdem a vida pela covid-19 é 2,3%, no estado, para aqueles que têm 14 anos ou menos, essa letalidade é de 10%. “É cinco vezes maior que a letalidade geral da doença”, comentou. Ele acrescentou que isto reforça que crianças e adolescentes são vulneráveis às manifestações graves da doença.

O boletim registrou 189 casos graves hospitalizados no Estado e vinte óbitos entre as crianças menores de 14 anos. Os dados divulgados na última quinta-feira (06), referentes ao Boletim Epidemiológico 56, mostram que as crianças de 28 a 364 dias são as maiores afetadas pela doença de acordo com a taxa de letalidade. Foram 52 casos e 14 falecimentos, resultando em uma letalidade de 41,18%. Em seguida, crianças de 1 a 4 anos também apresentaram uma maior concentração com 43 casos graves hospitalizados e 2 óbitos, com letalidade de 5,88%. A taxa foi a mesma para a população de 5 a 9 anos, que registrou 27 casos graves e 2 óbitos, e os menores de 28 dias de nascidos com 34 casos e duas mortes.

A faixa etária de 10 a 14 anos não registrou evolução para óbito, mas teve 34 casos acompanhados no Estado. A evolução dos casos entre os menores de 14 anos apontam 55% para a cura dos sintomas do novo coronavírus. Outros 45% se dividem em: 10% de óbito, 4% ignorado e 31% sem informações.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias