Quarta, 25 de Novembro de 2020 15:40
(83) 9 9602 8302
Política EXONERADO

Luiz Couto é exonerado do governo após apoiar campanha de Ricardo

Mesmo diante do clima tenso entre João Azevêdo e Ricardo Coutinho, Luiz Couto decidiu apoiar Ricardo Coutinho publicamente

26/10/2020 14h32
Por: São Bento em Foco Fonte: Portal Correio
Luiz Couto é exonerado do governo após apoiar campanha de Ricardo

Luiz Couto foi exonerado do cargo de secretário de Estado da Agricultura Familiar e Desenvolvimento do Semiárido. A decisão, publicada nesse domingo (25), em edição extra do Diário Oficial do Estado (DOU), ocorre após o ex-deputado federal manifestar apoio à candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) a prefeito de João Pessoa. Sucessor de Ricardo no Governo da Paraíba, o governador João Azevêdo escolheu apoiar Cícero Lucena (Progressistas) nas Eleições 2020.

Mesmo diante do clima tenso entre João Azevêdo e Ricardo Coutinho, Luiz Couto decidiu apoiar Ricardo Coutinho publicamente. O agora ex-secretário chegou a aparecer no guia eleitoral do socialista, durante o último fim de semana. Ele pediu férias para participar da campanha, mas acabou demitido por João Azevêdo.

“Se o governador quiser me exonerar… Não pedi exoneração, pedi férias. A partir da zero hora de hoje estou de férias para fazer política não apenas em João Pessoa, mas no interior, ajudando nossos companheiros”, declarou, na sexta-feira (23).

João Azevêdo, que foi secretário de Ricardo Coutinho, rompeu com o socialista em 2019, em meio ao suposto esquema de corrupção desvendado pela Operação Calvário. João Azêvedo deixou o PSB de Ricardo Coutinho, partido pelo qual se elegeu governador, e filiou-se ao Cidadania. Nessas Eleições Municipais, o Cidadania indicou Léo Bezerra como vice na chapa encabeçada por Cícero Lucena, adversário político de longa data de Ricardo Coutinho.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias